Depoimento de Bárbara Hank

Eu amei ser fotografada para o Sagrado Feminino. A proposta do nu e natural me atrai, e me senti muito a vontade com o Reinaldo, e ao som de bons rock´s. rsrs!! Já tinha feito umas fotos seminuas, mas nada igual a essa proposta que é a mulher ao natural mesmo, mostrando o corpo como ele é realmente. Pra mim nunca foi um tabu mostrar meu corpo, sou feliz com ele e me sinto linda como sou. Compartilhem o projeto e participem dele para que cada vez mais mulheres se amem e se aceitem como são!

Confira o ensaio clicando aqui!

Saiba como foi making of do ensaio clicando aqui!

Para conhecer um pouco sobre Bárbara Hank, clique aqui!

 

Sobre Bárbara Hank

Apaixonada pela lua e pela noite, Bárbara Hank, vinte e poucos anos (rs) é a terceira mulher a participar do Sagrado Feminino. Apesar de gostar da noite, ela também gosta do dia, do fim da tarde…da mesma forma é o gosto musical de Bárbara, unindo tudo o que, visto a grosso modo, seria “oposto”. “Sou meio bossa nova e rock n’ roll” diz. “Amo ouvir música, desde Tom Jobim, Cassia Eller, Cazuza, Caetano a Led Zeppelin, Black Sabbath, The Doors, Pink Floyd…” traços assim mostram um pouco de sua personalidade, sinalizando sua mente livre de preconceitos, típica de pessoas que sabem conviver e, mais ainda, amam as diferenças.

Estudante de moda, ela pretende sair pelo mundo quando se formar. Adora doces e chocolates e aprecia bons drinks, de preferência em boa companhia. Gosta de dançar e pretende fazer aulas de dança, mas ainda não se decidiu sobre qual estilo fazer.

Embora já tenha feito outros ensaios, inclusive seminua, é a primeira vez que ela faz nu completo. A nudez, para Bárbara não chega a ser um tabu. Para ela é natural estar nua e ser retratada assim é uma forma de expressar seu espírito livre, assim como é para nós, do Sagrado Feminino!

Confira o ensaio clicando aqui!

Saiba como foi o making of do ensaio clicando aqui!

Leia o depoimento dela aqui!

Making of do nosso terceiro ensaio

Sagrado Feminino - Meu corpo, meu templo! Making of's

Após um indesejado hiato a partir do segundo ensaio, finalmente fizemos o terceiro! Bárbara Hank é nossa terceira fotografada para o Sagrado Feminino. Muito tempo se passou desde que começamos a conversar sobre o ensaio, mas nossas agendas nunca coincidiam… até que, por desejo do destino, tudo conspirou a favor!

No fim da manhã de uma quente quarta-feira de outono encontramos a Bárbara e seguimos até um sítio no município de Taquaraçú de Minas, região metropolitana de Belo Horizonte, nossa locação para o ensaio. O sítio está em construção, o que contribuiu para um clima mais rústico em alguns momentos. Ele também não possui água, nem energia elétrica, aumentando nosso desafio para a logística e o andamento das fotos. Tudo isso é diversão para nós, pois amamos o que fazemos e procuramos sempre um clima de descontração para que isso reflita nas imagens que chegam até vocês.

Pela distância de BH, não pude visitar a locação com antecedência para analisar a luz disponível (lembrando que no Sagrado Feminino eu uso apenas luz natural), então mil coisas poderiam acontecer…e muitas situações difíceis! É um excelente exercício sair de sua zona de conforto e lidar com as adversidades e, com criatividade, é possível contornar as dificuldades.

Fotografar a Bárbara foi fácil e divertido! Ela já havia feito alguns ensaios antes, incluindo sensual e seminu, mas este é o primeiro de nu completo que ela faz. Ela tem um jeito bem descolado e é tranquila quanto à seu corpo, então tudo correu de forma super natural. Veja as fotos!

Confira o ensaio clicando aqui!

Para conhecer um pouco sobre Bárbara Hank, clique aqui!

Leia o depoimento dela aqui!

Depoimento de Natália Paixão

De inicio eu estava receosa, principalmente por imaginar algumas possíveis consequências, mas gosto de entrar de cabeça nas coisas, e então comecei a pensar nas fotos como um exemplo para mulheres que se sentem afetadas pelo padrão de beleza da sociedade, ou pela visão negativa do nu.

O trabalho do Reinaldo além de artístico tem um cunho social, de destacar a discussão sobre o poder das mulheres sobre o próprio corpo, e os padrões surreais de beleza. Foi um prazer poder fazer parte disso.

Confira o ensaio clicando aqui!

Saiba como foi making of do ensaio clicando aqui!

Para conhecer um pouco sobre Natália Paixão, clique aqui!

Sobre Natália Paixão

“Meu corpo não me define”, assim pensa nossa segunda fotografada para o projeto. Natália Paixão demonstra maturidade acima da média para seus 21 anos.

Estudante de farmácia e fã de jogos de RPG e vídeo-game, Natália adora também uma ótima leitura, além de assistir a bons filmes e séries. Participa sempre que pode de eventos de Cosplay, tendo feito o personagem Estelar (Starfire) dos Titãs.

Em uma das fotos deste personagem, Natália passou pela desagradável experiência de ter uma montagem feita com sua imagem. Apesar de um pouco receosa de início, pelo trauma com esta experiência passada, ela se mostrou bastante determinada em participar do projeto e mostrar sua relação positiva com relação ao seu corpo, objetivo maior do Sagrado Feminino.

Ela conta que, quando criança, até por volta da 6ª série, tinha dificuldades em se aceitar e notava um certo afastamento das outras crianças em relação à ela, tendo assim poucos amigos. Com o tempo ela resolveu mudar sua abordagem pessoal e começou gostar de como era e, com isso, percebeu que começou a atrair mais amigos, que gostavam de sua personalidade e de seu jeito de ser.

Tímida e meiga, ela se mostrou muito tranquila e disposta a colaborar com as ideias no momento do ensaio, sendo muito fácil de lidar e facilitando as ideias para poses, expressões e contextos.

Que seu exemplo motive mais pessoas a se amarem da forma como são… que façam do seu corpo, o seu templo!

Veja as fotos clicando aqui!

Saiba como foi o ensaio clicando aqui!

Making of do nosso segundo ensaio…

Sagrado Feminino - Meu corpo, meu templo! Making of's

Amanheceu um dia lindo e típico de inverno em Belo Horizonte, céu claro, sem nuvens e muito sol, mas com ventos frios, principalmente nas sombras. Agendado para a manhã de segunda-feira, nosso ensaio foi antecipado para esta manhã de sábado. Sorte nossa! Todos estávamos ansiosos pela sessão!

A segunda fotografada para o Sagrado Feminino é Natália Paixão, uma moça linda! Ela já posou para um catálogo de moda, mas é estreante em ensaios de nu. Ela estava tranquila e a sessão foi super proveitosa!

A locação foi o atelier de Juçara Costa, conhecida artista plástica e atriz no cenário mineiro. Seu espaço é lindo, amplo e oferece diversas opções de ambientes para fotos.

Clique aqui para ver as fotos!

Clique aqui para conhecer mais sobre Natália Paixão!

Depoimento de Karoline Simões

“Participar de um projeto desse tipo, foi algo que eu sempre quis fazer. Muita gente tem medo, banaliza ou até mesmo horroriza o nu, e eu acho que são barreiras que devem ser quebradas e ultrapassadas. Quando fui convidada para fazer parte do Sagrado Feminino eu não pensei duas vezes e disse sim na hora, pois eu vi que era uma coisa séria e que me faria muito bem. O objetivo do projeto é mostrar a beleza da mulher como ela realmente é, sem photoshop e sem máscaras. Sou magra, mas tenho defeitos e eu os amo, pois fazem parte de mim e me definem. Também falei um pouco sobre mim, algumas coisas que passei ao longo da minha vida e o que estou vivendo hoje. Conheçam o projeto e deixem seus comentários!”

Veja as fotos aqui!

Conheça sua história aqui!

Agendado o nosso segundo ensaio

Inicialmente programado para a próxima segunda-feira, nosso segundo ensaio foi antecipado para esta manhã de sábado. A repercussão de nosso primeiro ensaio está sendo super positiva para todos e estamos ansiosos pelo segundo! A locação será o atelier de arte da conhecida artista plástica mineira Juçara Costa, no bairro Serra em Belo Horizonte/MG e oferece diversas possibilidades criativas. Vai ser lindo!

Sobre Karoline Simões

A estreante do projeto é Karoline Simões, conhecida minha ainda dos tempos do Orkut mas sem termos tido a oportunidade de trabalhar juntos antes.

Ela já havia posado para outros fotógrafos, mas em outros contextos. É a primeira vez que Karoline posa nua.

Desde o início da conversa sobre sua participação no projeto ela se mostrava muito animada, tranquila e confiante. Uma confiança assim, dessas raras de se ver. Nosso primeiro contato pessoalmente foi na visita que agendo para dar dicas e orientações para o ensaio, bem como para explicar como funciona todo o projeto. Ela sempre se mostrou interessada no conceito do Sagrado Feminino. É uma pessoa muito fácil de lidar antes, durante e depois do ensaio e também demonstra total disposição em colaborar com as ideias, poses e expressões e, com certeza, eu a fotografaria novamente!

Esta personalidade Karol desenvolveu através de uma infância marcada por maus tratos. A partir de seus 4 anos de idade, um tio começou a desenvolver uma postura agressiva com ela e a agredia constantemente. Sem nenhuma interferência dos demais familiares, assim foi até os 15 anos. Após mais uma agressão, uma amiga e vizinha resolveu ligar e denunciar a situação para a polícia. Apesar de o tio não ter sido preso, a partir deste momento ela teve uma relativa paz no lar.

Talvez pela situação em casa, ela desenvolveu uma personalidade “rebelde”, tida como ovelha negra da família. Hoje aos 26 anos ela vem combatendo com sucesso sua depressão e se encontra em um momento de auto-aceitação e vê nas fotos do Sagrado Feminino uma forma de se encontrar, de mostrar que pertence a si mesma, com atitude perante a família e a sociedade, sendo livre e dona de sua própria mente, corpo e espírito.

Esperamos que este ensaio mostre à Karol a beleza e força que a mulher tem. Que ela encontre a paz e à si mesma nessas fotos!

Ver as fotos de Karoline.

Saiba como foi fazer o ensaio da Karoline clicando aqui!

Making of do nosso primeiro ensaio

Sagrado Feminino - Meu corpo, meu templo! Making of's  Tudo certo para o primeiro ensaio? Quase tudo! Após alguns imprevistos com a locação agendada para nosso primeiro ensaio tivemos que mudar os planos e fotografar em outro local, conseguido de última hora com um amigo. Eu costumo visitar a locação com antecedência, especialmente para verificar como é a quantidade e qualidade de luz do local e conhecer as possibilidades de cenários, além de sentir o “clima” do ambiente. Neste projeto eu vou preferir não usar flash’s e usarei quase exclusivamente a luz natural disponível. Com a mudança de local eu não consegui visitar com antecedência e não tinha como saber que tipo de luz eu encontraria. Não deixa de ser um bom exercício também ter que abandonar o previsto e jogar com o que se tem, como um músico que vê suas partituras serem levadas pelo vento, mas precisa continuar tocando para o público. Muitas vezes o inesperado flui melhor e nos testa…ganho duplo no final das contas.

A estreante do projeto é a Karoline Simões que já realizou alguns ensaios antes, mas é a primeira vez que posa nua. Ela é uma pessoa super legal e descolada e não teve dificuldade em estar diante da câmera. Já no primeiro encontro, que faço previamente com as modelos, ela já se mostrava super tranquila em posar para o projeto e foi assim durante as fotos.

Curiosamente a locação para este ensaio foi a confecção de um grande amigo. Um ensaio nú em uma confecção…que disparidade! Pois o local nos ofereceu muitas opções de cenários e conseguimos fotos lindas. Nos próximos dias você poderá conferir como ficou aqui no Sagrado Feminino!

Conheça mais sobre Karoline e sua história aqui!

Saiba como foi fazer o ensaio da Karoline clicando aqui!

Agradecimento especial ao Adailton Soares da ByPride.